Licio Caetano do Rego Monteiro

Políticas territoriais do estado brasileiro na Amazônia e seus efeitos na fronteira Brasil-Colômbia: controle estatal e ameaças transnacionais

A pesquisa busca relacionar as mudanças das políticas de controle territorial do Estado brasileiro na fronteira internacional amazônica no período atual às concepções de ameaças transnacionais presentes na zona de fronteira entre Brasil e Colômbia. Tal enfoque privilegia a relação entre ameaça e controle, levando em conta as seguintes questões: 1) quais ameaças aparecem enunciadas (Leia mais…)

Programa Calha Norte: verbas da vertente civil destinadas para os municípios (2003-2007)

Rio de Janeiro “tipo Colômbia”: jogo de escalas, controle territorial e segurança urbana

O presente artigo tem por objetivo analisar a política de implantação das Unidades de Polícia Pacificadora (UPP) no Rio de Janeiro a partir de uma comparação com a experiência das políticas de segurança desenvolvidas na Colômbia nos marcos da Política de Consolidação da Segurança Democrática (2007). Numa análise comparativa, identificamos a transição de uma imagem (Leia mais…)

Segurança na América do Sul: a construção regional e a experiência colombiana

Dois eventos marcaram os assuntos de segurança internacional na América do Sul ao final da década de 2000: a escalada da rivalidade entre Colômbia e Venezuela e a criação do Conselho de Defesa Sul-Americano (CDS), no âmbito da União das Nações Sul-Americanas (UNASUL). A pesquisa buscou enfocar a emergência desses dois processos e suas interações (Leia mais…)

Segurança Pública nas Fronteiras: diagnóstico Socioeconômico e demográfico

  O Diagnóstico Socioeconômico e Demográfico da Faixa de Fronteira relacionado a criminalidade e violência é parte da pesquisa desenvolvida para o Ministério da Justiça- SENASP/Programa ENAFRON (Estratégia Nacional de Segurança Pública nas Fronteiras), cujo objetivo geral é intensificar o controle e a fiscalização na fronteira continental brasileira, especialmente a prevenção, controle e repressão de (Leia mais…)

Subsídios ao Zoneamento Ecológico Econômico do estado do Rio de Janeiro: diagnóstico socioeconômico

O Projeto Análise e qualificação sócio-ambiental do estado do Rio de Janeiro: subsídios ao Zoneamento Ecológico-Econômico resultou de um convênio entre a Secretaria Estadual do Ambiente do Governo do Estado do Rio de Janeiro e a Universidade Federal do Rio de Janeiro (GEOHECO e Grupo Retis) sob a coordenação geral da Profª Drª Ana Luiza Coelho (Leia mais…)


Design e desenvolvimento: SteimanKnorr.com